Em resposta à crise causada pelo coronavírus nas comunidades onde servimos crianças e famílias em situação de extrema pobreza, a Operação Resgate adotou as seguintes medidas: 

-          Seguindo as instruções das autoridades de saúde, nós fechamos os centros educacionais do projeto no Brasil, na Índia e na Etiópia, a fim de promover o distanciamento social de modo a reforçar a segurança e a saúde das crianças, adolescentes, mães e pais que atendemos

-          Nossas equipes locais, que são formadas por pessoas da comunidade, continuam empregadas, e ao invés de trabalharem nos centros educativos, elas agora estão se dirigindo até onde as crianças e famílias moram, seja nas ruas ou em habitações improvisadas, levando alimentos, água, informações sobre o coronavírus e instruções para prevenção, além de apoio emocional, social e espiritual

Por causa da rápida e perigosa transmissão do coronavírus, as cidades estão fechadas, e na Etiópia e na Índia, por exemplo, o comércio e os pequenos negócios também fecharam, fazendo com que os poucos pais e mães que tinham alguma renda, agora estejam sem trabalho, o que tem levado as crianças e famílias a passarem fome.

Diante desta situação de emergência, nós convidamos você a participar da nossa Campanha de Resposta de Emergência ao COVID-19 para garantir alimento e água limpa suficiente para alimentar centenas de crianças e famílias que se encontram em situação de extrema pobreza neste momento.

Para entender melhor o que está acontecendo nas comunidades onde trabalhamos, veja abaixo a entrevista concedida pelo fundador e presidente da Operação Resgate, Marciano Teixeira, e faça hoje mesmo a sua doação, clicando no botão “Quero Ajudar” localizado na parte superior desta página.

 

A pandemia do COVID-19 está afetando a Operação Resgate?

Com certeza. A Operação Resgate atua na Etiópia, Índia e Brasil, atendendo algumas das crianças e famílias mais vulneráveis ​​das comunidades locais. São pessoas que vivem na pobreza, nas ruas, em condições precárias. Com isso, as mães e os pais das crianças que tinham algum trabalho, ganhavam o pagamento por dia, e mal dava para alimentar os filhos naquele dia. Agora, com o coronavírus, as cidades estão fechando e, na Índia e na Etiópia, por exemplo, as lojas e o comércio local foram fechados, então as mães e os pais perderam os trabalhos, o que significa que eles não têm dinheiro para comprar comida para a próxima refeição.

 

- O que a Operação Resgate está fazendo para ajudar as crianças e suas famílias nesta crise?

Estamos fazendo várias coisas. A primeira coisa que fizemos foi seguir as instruções das autoridades de saúde para fechar todas as escolas e tentar impedir a propagação do vírus. A segurança das nossas crianças é nossa prioridade, por isso fechamos nossos centros do projeto para manter as crianças, seus pais, avós e a nossa equipe em segurança.

A segunda coisa que estamos fazendo é manter nossos funcionários locais empregados e nós ajustamos os nossos serviços ao novo cenário. A Operação Resgate conta com voluntários que viajam para a Índia, Etiópia e Brasil para realizar esse trabalho, e também contamos com nossa equipe local, pessoas da comunidade, para cuidar das crianças. Com a pandemia do Covid-19 e o fechamento dos nossos centros do projeto, a nossa equipe agora está apoiando as famílias nas suas necessidades básicas, como alimentos, instruções sobre como impedir a transmissão do vírus, aconselhamento espiritual etc.

E a terceira e mais importante coisa que estamos fazendo agora, é Campanha de Resposta de Emergência ao Covid-19. Como eu disse, as mães e os pais das crianças perderam seus trabalhos, então eles não têm dinheiro para conseguir comida, e não há mais ninguém que lhes dê esmolas, e esse é o outro lado da crise do coronavírus: a fome que se agravou nas comunidades pobres.

 

- Qual é o objetivo desta campanha de captação de recursos?

O objetivo da Campanha de Resposta a Emergência é arrecadar dinheiro para alimentação e segurança das crianças e famílias atendidas pela Operação Resgate na Índia, Etiópia e no Brasil. Centenas de crianças e famílias nas comunidades locais vivem nas ruas e neste momento, eles não sabem de onde virá a próxima refeição.

Pode ser difícil de imaginar, mas enquanto falo com você, as crianças estão dormindo nas ruas de Calcutá, na Índia, e quando acordam não vai ter café da manhã, os avós acordam sem água limpa para beber ou para lavar as mãos. As pessoas que têm dinheiro acordam cedo e compram o máximo de comida possível nos supermercados locais, e estocam em suas casas. O acesso a comida se tornou ainda mais difícil nesta crise.

As pessoas não tem mais onde trabalhar, a comida é escassa e crianças e adultos estão sendo empurrados para a prostituição, o crime e o tráfico de drogas para sobreviver. Precisamos de doações como a gente nunca precisou antes para garantir que nossa equipe local consiga comprar comida não apenas para as refeições que a gente costumava servir enquanto as crianças estavam em nossos centros do projeto, mas para todas as refeições (café da manhã, almoço e jantar) das crianças, seus pais e, muitas vezes, dos avós que perderam o emprego e não têm para onde ir até que a vida volte ao normal.

 

- Para encerrar, o que você gostaria de dizer às pessoas que estão assistindo à esta entrevista?

O que eu gostaria de dizer é: lave as suas mãos para evitar o vírus, e abra o seu coração para salvar vidas. Faça hoje uma doação à Campanha de Resposta a Emergências para trazer comida e apoio às crianças e famílias que vivem na pobreza.

Momentos de crise como esse podem ser transformados em oportunidades para você e eu mostrarmos amor, compaixão e generosidade. Vamos manter em mente a saúde dos nossos familiares queridos e vamos expandir o nosso pensamento e o nosso coração para a família maior à qual nós pertencemos: a família de Deus que criou todos e cada um de nós. Vamos cuidar de todos e de cada um. Faca sua doacao hoje. Obrigado e que Deus te abençoe.

 

Por favor, faça sua doação clicando no botão “Doação Eletrônica“ abaixo.

Muitíssimo obrigado!

Equipe da Operacao Resgate - Whats: (+55)83 9677 6381

Contáto: 

Rua Rosa Maria Sales, s.n., quadra 9, lote 36.

Bairro Nova Conquista - CEP  58708-215

Patos/PB -Brasil

oresgate_brasil@operationrescue.ch
Whats: (+55)83 9677 6381

© 2017